Boteco: dos EUA, Founders, Brooklyn e Rogue

founders1.jpg

por Marcelo Costa

Longe das prateleiras desde 2008, a Founders Rübæus retornou ao catálogo da cervejaria do Michigan em 2013, ainda que em período sazonal (de maio a agosto). Ela é uma ale fruit beer que recebe adição de framboesas em várias fases da fermentação. Na taça, um liquido de coloração avermelhada exibe um creme de baixa formação e curta permanência. No nariz, um delicioso bouquet de frutas vermelhas (cereja, framboesa e morango) domina a percepção, mas, insistindo, é possível perceber notas que remetem a malte e leve cítrico. Na boca, a framboesa adicionada na receita conduz o percurso distribuído dulçor (que se sobressai), azedume e acidez em doses moderadas e apaixonantes. É possível perceber com clareza o toque da fruta enquanto na retaguarda a acidez limpa o palato. O final é seco, levemente azedo e frutado. No retrogosto, frutas vermelhas, dulçor e acidez completam uma belíssima fruit beer.

brooklyn.jpg

De Nova York, a Brooklyn começa a circular sua elogiada Weisse, que já estava disponível na torneira por vários bares de Manhattan, e agora ganha uma versão engarrafada ainda em teste. Fidelíssima à escola German Weizen, a receita traz como base os maltes Two-row German e German Wheat, o lúpulo Hallertauer Perle e levedura bávara. Não filtrada, a Brooklyner Wheat Beer (ou Brooklyner Weisse, dependendo do país) exibe uma coloração amarela com leve turbidez, creme branco de baixa formação e curta permanência. No nariz, notas clássicas do estilo são replicadas com elegância, e dá-lhe condimentação (semente de cravo), notas frutadas (a indiscutível remissão a banana), sugestão herbal (grama) e trigo. Na boca, o conjunto replica com perfeição o aroma acrescentando leve acidez. Notas frutadas (banana), herbais (grama) e condimentação (cravo) ganham um leve toque de mel, acompanha o bebedor até o final. No retrogosto, trigo e banana. Um verdadeiro café da manhã.

rogue1.jpg

De Portland, no Oregon, surge o projeto revolucionário Farms, da Rogue, com malte, lúpulo, centeio e tudo mais produzido na fazenda da cervejaria (a latitude está no rótulo) buscando valorizar o terroir da região. A receita da Rogue Farms Roguenbier Rye, por exemplo, une cinco tipos de cereais próprios malteados (Rogue Dream Rye, Rogue Black, Rogue Smoked, Rogue Caramel 40 e Rogue Barley Farm Dare & Risk) com o lúpulo Rogue Hopyard Independent Hops e levedura Weizen. O resultado é uma cerveja de coloração âmbar com creme bege de boa formação e permanência. No aroma, forte sensação de pão de centeio com um leve toque de caramelo mais cítrico suave (que provoca o nariz). No paladar, o malte tostado traz caramelo, centeio, ameixa (não tão intenso) e defumado com a alta carbonatação causando uma leve adstringência, que segue até o final. No retrogosto, um toque defumado mais caramelo clamam pela atenção do bebedor.

rogue2.jpg

Balanço
Pequena grande cervejaria, a Founders brilha novamente, desta vez com a Rübæus, uma fruit beer com um balanço cuidadoso entre azedume, dulçor frutado e acidez. Equilíbrio perfeito em uma cerveja saborosa, para dias quentes e indicada para acompanhar entradas leves. A Founders novamente acerta a mão. Já no Brooklyn nova-iorquino, mostrando que sabe muito bem recriar uma receita tal qual ela é feita em seu país de origem, Garrett Oliver surge com uma ótima German Weizen: a Brooklyner Wheat Beer é uma excelente pedida na falta de uma Weihenstephaner, de uma Paulaner ou de uma Erdinger. Na falta! Já a Rogue Farms Roguenbier Rye Ale integra um projeto fantástico da Rogue, que visa produzir todos os insumos da cerveja dentro da própria fazenda da cervejaria. No caso deste Rye Ale, a sensação é que falta corpo ao conjunto, mas é indiscutivelmente uma cerveja diferenciada, com o centeio se destacando e até um leve defumado batendo ponto. Muito boa, Rogue Farms.

Founders Rübæus
– Produto: Fruit Beer
– Nacionalidade: EUA
– Graduação alcoólica: 5,7%
– Nota: 3,58/5

Brooklyner Wheat Beer
– Produto: German Weizen
– Nacionalidade: EUA
– Graduação alcoólica: 5,1%
– Nota: 3,26/5

Rogue Farms Roguenbier Rye
– Produto: Speacility Beer
– Nacionalidade: EUA
– Graduação alcoólica: 6,6%
– Nota: 3,43/5

rogue21.jpg

Leia também
– Top 1001 Cervejas, por Marcelo Costa (aqui)
– Leia sobre outras cervejas (aqui)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *