Selos midsummer madness e Sinewave se unem em parceria logística

Desde novembro de 2017, a Sinewave assumiu a logística de venda direta ao público do midsummer madness. A mudança ocorreu porque o midsummer madness mudou sua base para Londres, na Inglaterra. Com a necessidade de continuar entregando discos aqui no Brasil, o selo carioca, que em 2019 completará 30 anos de atividade, se uniu ao net label paulista, que começou a investir na venda de produtos físicos este ano.

“A mudança de país não vai modificar a atuação do midsummer madness junto às bandas”, explica Rodrigo Lariú, fundador e faz-tudo do midsummer madness. “Mas no que diz respeito à entrega de produtos e produção de eventos, a gente precisava de alguém de confiança e com o mesmo perfil musical. A Sinewave é um dos selos que mais admiro e respeito no Brasil. O Elson e o Lucas estão constantemente dando lições de como fazer as coisas bem-feitas”, conclui Rodrigo.

Todas as vendas realizadas através do mmrecords.com.br serão gerenciadas pela Sinewave, que fica responsável pela administração do estoque e entrega dos discos. A princípio os catálogos não se misturam e as lojas (sinewave.lojaintegrada.com.br/ e mmrecords.lojaintegrada.com.br/) continuam separadas e independentes. Mas os dois selos concordam que o plano é entender melhor as sinergias e, quem sabe, começar a operar juntos.

A Sinewave também deve produzir eventos para os artistas do midsummer madness. “O midsummer madness sempre foi uma referência direta para a Sinewave, não só pelo lado estético na admiração pelas guitarras sujas, mas principalmente pelo próprio trabalho do Lariú à frente do selo”, comenta Elson Barbosa, também fundador e faz-tudo da Sinewave. “É uma honra nos aproximarmos do selo e das bandas e pensarmos em ideias para o próximo ano. Se tem alguém fazendo barulho – e a midsummer sempre foi expert nisso -, nós queremos fazer junto”, completya

Sinewave e midsummer madness já trabalham juntos há alguns anos: o primeiro disco da banda shoegazer gaúcha Loomer, “You Wouldn’t Anyway“. foi lançado em conjunto pelos dois selos, assim como o álbum mais recente deles, “Deserter“, distribuído no formato digital há menos de um mês. Separadamente, entre as novidades de cada um dos selos estão o relançamento em vinil do álbum “Lee Marvin“, do Pin Ups, parceria da midsummer madness com o selo recifense Assustado Discos (os primeiros 150 vinis vendidos levam um EP do Pin Ups inédito e exclusivo com quatro covers) e “Um Novo Ritmo Vai Nascer“, do The Gilbertos, que agora ganha edição em CD. Do lado da Sinewave, os lançamentos mais recentes são “Violet“, noise experimental do Verjault, e “Three Towers“, post rock do Stase.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *