Boteco: Quatro cervejas da Samuel Adams

samuel1.jpg

por Marcelo Costa

Fundada em 1984 em Boston, nos Estados Unidos, a Samuel Adams Brewery tem uma história interessante. A primeira receita da Samuel Adams Boston Lager, carro chefe da cervejaria, data de 1860. Louis Koch, o patriarca da família, a fabricou desta data até a Lei Seca, e voltou a produzi-la com a queda da lei até 1950, quando a cervejaria foi fechada. Jim Koch, sexta geração da família, voltou a produzir a Samuel Adams Boston Lager no começo dos anos 80, em sua própria cozinha, seguindo a receita original de Louis e iniciando o movimento de cervejarias artesanais nos Estados Unidos. O resultado, quase 30 anos depois, coloca a Samuel Adams Brewery como a maior micro cervejaria norte-americana em atividade. São mais de 140 milhões de litros (1,2 milhões de barris) anuais. Abaixo, quatro rótulos da cerveja.

sam31.jpg

O mundo seria muito melhor se todas as lagers tivessem a qualidade da Samuel Adams Boston Lager (e da Brooklyn Lager). Na receita, a junção de dois estilos de malte (Two-row Pale e Caramel 60) e dois de lúpulos (Hallertau e Tettnang) rende uma cerveja de liquido âmbar claro, ótima espuma e boa permanência. No aroma, há equilíbrio entre lúpulo herbal e malte de caramelo com uma leve percepção de mel e amadeirado. No paladar, as notas aromáticas são replicadas com perfeição em uma cerveja leve, refrescante, saborosa e de carbonatação alta. O final é seco enquanto o retrogosto é amargo, e implora por outra garrafa. Fazer o básico de forma caprichada rende ótimas cervejas como esta Samuel Adams Boston Lager.

sam21.jpg

Com a Samuel Adams Black Lager, o foco e o desejo dos norte-americanos era fazer uma cerveja a altura das Schwarzbier alemãs, que tem na belíssima Köstritzer uma de suas grandes representantes. Na taça, a Samuel Adams Black Lager exibe um liquido de cor preta, mas com feixes marrons e uma boa formação de creme. No aroma, o malte torrado remete diretamente a café com muito leve percepção de caramelo e ameixas. O paladar é bastante equilibrado, com doçura, amargor e até um pontadinha de salgado replicando algumas notas do aroma (café, mel e ameixas), e deixando pelo caminho um rastro delicioso de café e caramelo que a aproxima de um belo copo de café com leite gelado. Perfeita para o café da manhã, certo.

A terceira da lista é a Samuel Adams Boston Ale, um Amber Ale que leva os mesmos dois maltes da Boston Lager (Two-row Pale e Caramel 60), mas altera a proporção de lúpulos, incluindo East Kent Goldings e English Fuggles ao lado do Hallertau, o que resulta em uma cerveja de liquido âmbar claro tendendo ao alaranjado, com espuma média na formação e permanência. No aroma, as notas derivadas do malte levemente tostado se desprendem remetendo a mel e caramelo enquanto os lúpulos trazem uma carga de cítrico (abacaxi) e frutado (manga). No paladar, menos complexo, o cítrico aparece com mais intensidade, mas o malte está ali para equilibrar o conjunto até o final, seco. O retrogosto frutado é ótimo.

sam41.jpg

Por fim, a Samuel Adams Octoberfest, uma sazonal preparada para celebrar a chegada do outono. A primeira edição foi feita em 1989, e de lá pra cá, ano a ano, esta cerveja de liquido âmbar translucido e boa formação de espuma integra o cardápio da Samuel Adams. No aroma, bastante malte tostado (são quatro na fórmula: Harrington, Caramel, Munich e Moravian) desprendendo-se em notas de caramelo além de sensação de condimentos, frutado (amêndoa) e, levemente, de defumado. No paladar, após o ataque de acidez e, na sequencia, de doçura, que some rapidamente, a tosta se faz mais presente, com a sensação de defumado um pouco mais intensa. O retrogosto é adocicado e interessante.

Estas quatro cervejas da Samuel Adams podem ser encontradas em bons empórios brasileiros (online ou físicos) em preços que variam de R$ 9 a R$ 15 (garrafas de 355 ml), porém o cardápio da cervejaria é bastante extenso (confira aqui) e merece uma olhadela especial. Há, ainda, tours especiais pela cervejaria em Boston (saiba aqui).

Samuel Adams Boston Lager
– Produto: Premium American Lager
– Nacionalidade: EUA
– Graduação alcoólica: 4,9%
– Nota: 3,39/5

Samuel Adams Black Lager
– Produto: Schwarzbier
– Nacionalidade: EUA
– Graduação alcoólica: 4,9%
– Nota: 3,12/5

Samuel Adams Boston Ale
– Produto: American Amber Ale
– Nacionalidade: EUA
– Graduação alcoólica: 4,8%
– Nota: 3,16/5

Samuel Adams Octoberfest
– Produto: Marzen
– Nacionalidade: EUA
– Graduação alcoólica: 5,5%
– Nota: 3,32/5

Leia também
– Top 1001 Cervejas, por Marcelo Costa (aqui)
– Leia sobre outras cervejas (aqui)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.