SIM São Paulo fortalece laços com o mercado argentino

Estreitar laços com mercados de outros países é um dos motes da Semana Internacional de Música de São Paulo. A conferência articula essa tarefa tendo como um dos objetivos inserir o Brasil na narrativa do setor latino-americano, facilitando o intercâmbio e colaborações. Uma parceria com o Instituto Nacional de La Música (INAMU) resultou na consolidação da relevância da SIM diante do mercado argentino. Em 2018, mais de 700 artistas do país vizinho se inscreveram para tentar uma das 27 vagas para tocar nos showcases diurnos da feira (2299 foi o número total de inscritos). A cantora Miss Bolivia foi uma das selecionadas. Além dela, estarão na programação geral da conferência, que está marcada de 5 a 9 de dezembro, os trios Fémina e Valbè e a banda La Madre Del Borrego.

Apontado pela Rolling Stone americana como “uma das novas bandas que precisamos conhecer“, o trio Fémina  (na foto que abre o post) conquistou com o seu indie folk não apenas o respeito da mídia especializada, mas também os ouvidos de Iggy Pop. O americano colocou o som do grupo – formado por Clara “Wewi” Trucco, Sofía “Toti” Trucco e Clara Miglio – mais de uma vez em seu programa de rádio, o The Iggy Pop Radio Show, que vai ao ar na BBC Radio 6 Music. O trio proveniente da Patagônia contará com participações de Iggy Pop no novo álbum, que está em processo de produção.

Composto por Noelia Recalde (guitarra e voz), Damián Helmer (baixo) e Cristhian Faiad (bateria), Valbè passa por diferentes nuances e texturas. O folk progressivo se manifesta intensamente no trabalho mais recente, “Terser” (2016), que é o sucessor de álbum de estreia homônimo lançado em 2009 e de “7 Paisajes” (2014).

Há 18 anos na estrada, o La Madre Del Borrego apresenta o seu rock de pitadas latinas. Tendo em sua formação Ignacio Serfaty (voz e guitarra); Leonardo Ricciardino (voz, acordeón e trompeta); Ignacio Ducasse (bateria e percussão); Franco Gagliano (guitarra); Facundo Herrera (guitarra) e Franco Antonello (baixo), a banda compõe sobre o cotidiano e o compromisso com o “ser”. Recentemente, o grupo lançou o single “Sueño Centenário”, que foi a música oficial da celebração do centenário da reforma Universitária de 18.

Outro nome argentino confirmado na SIM 2018 é o da artista Miss Bolivia. Em entrevista ao jornal La Nación, ela afirmou sempre ter sido uma pessoa frágil emocionalmente. O baile e a música surgiram para ela como um alicerce de empoderamento e os utiliza como ferramenta para que não se deprimir. O seu trabalho, que teve como ponto de partida a inspiração no punk rock, reflete o estado da cantora. Com três álbuns lançados, “Pantera” (2017) é o seu disco mais recente e, segundo a crítica local, o mais ousado também.

Serviço SIM SÃO PAULO 2018:
Local: Centro Cultural São Paulo + 30 casas de shows
Data: 5 a 9 de dezembro
Programação: festa de abertura, showcases diurnos, programação noturna, conferência, networking & business, etc.
PRO-BADGE (credencial): R$ 200,00 (primeiro lote – até 30/09) / R$ 280,00 (segundo lote – até 30/11) / R$ 350,00 (terceiro lote – a partir de 01/12). Mais informações: http://www.simsaopaulo.com.br
Credenciados têm acesso livre à programação completa da SIM.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.