Tributo ao Pink Floyd, Juno e Brazuca

“Charque Side of The Moon”, La Pupuña (Independente)
“Dark Side of The Moon”, do Pink Floyd, influenciou gerações e continua sendo tema de tributos nos anos 2000. Primeiro foi o Easy Star All-Stars que regravou o álbum em versão dub. Agora é a vez dos paraenses do La Pupuña o gravarem em versão carimbó. O disco traz bons momentos como “Money” (com Denise Lima nos vocais) e a dobradinha “Brain Damage”/”Eclipse”, mas o resultado é irregular. Os trechos instrumentais são ótimos, mas os vocais comprometem algumas versões. Mesmo assim, vale o download.
Nota: 6,5
Download Gratuito
Site: http://nemo.com.br/elcabong/?p=554

“Juno”, Trilha Sonora Original (Warner)
Após arrebatar quatro indicações ao Oscar, a sensação indie “Juno” tirou Alicia Keys do topo da Billboard e permanece entre os dez mais já faz seis semanas. A trilha é tão fofa quanto o filme e junta Belle and Sebastian, Cat Power, Velvet Underground e Sonic Youth (com a cover de “Superstar”, dos Carpenters), mas o destaque fica por conta do dueto de Ellen Page e Michael Cera cantando “Anyone Else but You”, do Moldy Peaches (Kimya Dawson é a produtora). Boa trilha, mas proibida para diabéticos.
Nota: 7
Preço em média: R$ 50 (importado)
Site: http://www.foxsearchlight.com/juno/

“Le Nouveau Rock Brésilien”, vários (Brazuca/Senhor F)
Publicação gratuita distribuída na França e na Bélgica, a Brazuca versa sobre brasilidades destacando reportagens sobre arte, cinema e música. “Le Nouveau Rock Brésilien” é uma compilação da revista que visa apresentar o novo rock brasileiro para os leitores (gringos e brasileiros). Gente como o Vanguart, Superguidis, Ludov e Autoramas – além da nova música de Beto Só, a ótima “Meu Velho Escort” – marca presença em uma coletânea altamente recomendada que reúne 19 artistas da nova safra. Baixe.
Nota: 9
Download Gratuito
Site: http://www.brazucaonline.org/

6 thoughts on “Tributo ao Pink Floyd, Juno e Brazuca

  1. Esse trabalho do La Pupuna é muito interessante. Vale bem a escutada. Quanto a Juno, dificil pacas tirar Anyone Else But You da cabeça…
    E a trilha brazuca…alto nivel!!
    Abs.

  2. Que absurdo essa capa do tributo ao Pink Floyd, hein?
    Abusaram ao máximo… Ainda por cima, está bemmmm no passado. Esconde as partes íntimas com cabelos do próprio corpo. Depilação já!

  3. Chovendo no molhado… já faz tempo que estamos assim. Tá cada vez mais difícil ouvir algo realmente novo e com qualidade. No início deste ano, numa viagem à Curitiba assisti o grupo “Real Coletivo Dub” num barzinho, foi feito chuva no deserto… Vamos procurar que é possível encontrar.

  4. Falando em La Pupuna, já escutaste “A Euterpia”? Também é paraense. Recomendo: as letras são ótimas e a melodia, peculiar. O cd é “Revirando o sotão”.

  5. Adorei La Pupuña, vcs, a Gabi, a Samliz, todos ótimos e ó, gostei da capa, lembrou até Cláudinha Ohana nos áureos tempos…rs, deixa a moça com seus pentelhos gente!!! Fã de vcs sempre, desde o primeiro show que o Ismael me levou pra ver no Pimenta Café em 2005.
    No mais… beijos na Ásia Carrera e em todos vcs.

  6. O cenário rock paraense tá cheio de coisas boas, La Pupuña, Suzana Flag, Euterpia, Madame Saatan, Delinqüentes, Norman Beates, Cravo Carbono, entre tantos outros, é só conferir…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.