Random header image... Refresh for more!

Category — Cinema

Um filme sobre Jaco Pastorius

Exibido no Festival In-Edit Brasil 2015, “Jaco” (2014), documentário de Paul Marchand e Stephen Kijak produzido por Robert Trujillo (Metallica), conta a história de Jaco Pastorius, um dos maiores baixistas de todos os tempos. “Jaco” relembra sua forte personalidade e repassa sua obra com comentários de Flea, Sting, Bootsy Collins, Geddy Lee, Carlos Santana e seus parceiros de Weather Report, entre outros, que falam com admiração e espanto sobre esse furacão das quatro cordas. Indicado por André Travassos (Moons) após eu recomendar a leitura da coluna genial de Arthur Dapieve lembrando os 30 anos de morte de Jaco Pastorius. Assista ao filme abaixo e leia a coluna de Dapieve aqui.

setembro 2, 2017   No Comments

Dicas Scream & Yell: Cinema Italiano

Entre 31 de agosto e 06 de setembro, oito capitais brasileiras (Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo) recebem o festival 8 ½ Festa do Cinema Italiano, que traz ao Brasil sete filmes inéditos. Conheça três deles aqui.

Mais Dicas Scream & Yell

agosto 30, 2017   No Comments

Dicas Scream & Yell: The Commitments

Para quem acompanha o Scream & Yell, essa é uma dica óbvia, pois já escrevi sobre esse filme de Alan Parker diversas vezes (inclusive aqui), mas nunca vou me cansar de indica-la porque, para mim, ele é o filme número 1 para quem quer “entender / saber / descobrir / ter ideia” do que é ter uma banda. Simples assim. Estão ali o vocalista que se acha o cara mais fodão do mundo por estar à frente do grupo, o músico problema que quer seguir seus instintos, as vocalistas sedutoras, o empresário marqueteiro e muito mais. Diversão garantida. E que trilha sonora espetacular!

Mais Dicas Scream & Yell

agosto 8, 2017   No Comments

Dicas Scream & Yell: Beautiful Girls

O Afghan Whigs é uma das bandas prediletas aqui em casa. Essa trilha sonora, produzida em conjunto por Greg Dulli (vocalista do Afghan Whigs) com o diretor Ted Demme, é uma pérola, tal qual o filme, que acompanha um grupo de losers perdidos numa cidadezinha canadense. Belo filme, bela trilha.

agosto 1, 2017   No Comments

No júri do Festival In Edit Brasil

Neste ano integro o júri de um dos meus festivais favoritos, o In-Edit Brasil. Confira a programação completa do festival em www.in-edit-brasil.com

junho 8, 2017   No Comments

Uma aula de Krzysztof Kieślowski…

abril 14, 2017   No Comments

A brisa marinha e Manchester à Beira Mar

Escrevendo sobre “Manchester-by-the-Sea”, me lembrei de Stéphane Mallarmé… 100 anos os separam e…

“A carne é triste, sim, e eu li todos os livros.
Fugir! Fugir! Sinto que os pássaros são livres, e
bêbados de se entregar à espuma e aos céus imensos!
Nada, nem os jardins dentro do olhar suspensos,
impede o coração de submergir no mar
Ó noites! nem a luz deserta a iluminar
este papel vazio com seu branco anseio,
nem a jovem mulher que preme o filho ao seio.
Eu partirei! O barco balança seu mastro, em frente
Ergue a âncora em prol de uma natureza errante.

Um Tédio, desolado por cruéis silêncios,
Ainda crê no derradeiro adeus dos lenços, a despedida!
E é possível que os mastros, convidados por tempestades,
rompam-se ao vento sobre os pobres náufragos,
perdidos, sem mastros, sem rastros, nem ilhas, nem cidades.
Mas, ó meu coração, ouve a canção que vem do mar!”

fevereiro 20, 2017   No Comments

As referências de filmes n’Os Simpsons

fevereiro 12, 2017   No Comments

Três momentos musicais do Oscar 2017

“Greatest Love of All”, de “Toni Erdmann”

“Sweet Child O’ Mine”, de “Capitão Fantástico”

Something`s Gotten Hold Of My Heart“, de “O Lagosta

fevereiro 8, 2017   No Comments

Something’s Gotten Hold of My Heart

Single de Gene Pitney em 1967, “Something’s Gotten Hold of My Heart” foi número 1 no Reino Unido em 1989 numa versão de Marc Almond com o próprio Gene Pitney.

Porém, minha versão favorita dessa canção está num dos meus discos favoritos de Nick Cave, o brilhante “Kicking Against the Pricks”, poderoso disco de covers de 1986

Essa canção embala a cena que abre o post e integra o brilhante “O Lagosta” (2015), filme indicado ao Oscar de Melhor Roteiro Original na cerimônia deste ano.

Ps. O filme (um dos meus preferidos dessa temporada do Oscar) ainda traz Colin Farrel balbuciando “Where The Wild Roses Grow”…

janeiro 30, 2017   No Comments