Os 50 discos de 2019 para a APCA

O júri da APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte) anunciou, hoje, a lista com os 25 melhores álbuns lançados no segundo semestre de 2019. Os trabalhos foram selecionados por Alexandre Matias (Trabalho Sujo), José Norberto Flesch (Destak), Marcelo Costa (Scream & Yell) e Lucas Brêda (Folha de São Paulo). A presente lista se junta aos 25 discos indicados como os melhores do primeiro semestre completando a lista dos 50 discos de 2019 para a APCA. A Associação Paulista dos Críticos de Arte se reúne no próximo dia 07 de dezembro para escolher os melhores de 2019 em categorias como Artista do Ano, Revelação, Melhor Projeto, Melhor Show e Melhor Disco (que sairá desta lista de 50 de 2019). Confira a lista!

PRIMEIRO SEMESTRE
Alessandra Leão – Macumbas e Catimbós
Ave Sangria – Vendavais
BaianaSystem – O Futuro Não Demora
Black Alien – Abaixo de Zero: Hello Hell
Boogarins – Sombrou Dúvida
China – Manual de Sobrevivência Para Dias Mortos
Clima – La Commedia é Finita
Djonga – Ladrão
Dona Onete – Rebujo
Douglas Germano – Escumalha
Fafá de Belém – Humana
Hamilton de Holanda – Harmonize
Jair Naves – Rente
Jards Macalé – Besta Fera
Jorge Mautner – Não Há Abismo Em Que o Brasil Caiba
Larissa Luz – Trovão
Nômade Orquestra – Vox Populi
O Terno – Atrás / Além
Odair José – Hibernar na Casa das Moças Ouvindo Rádio
Pitty – Matriz
Rakta – Falha Comum
Tássia Reis – Próspera
Thiago Pethit – Mal dos Trópicos
Tiago Iorc – Reconstrução
YMA – Par de Olhos

SEGUNDO SEMESTRE
Ana Frango Elétrico – Little Electric Chicken Heart
Bruno Capinan – Real
Céu – APKÁ
Chico César – O Amor É Um Ato Revolucionário
DEF – Sobre os Prédio que Derrubei Tentando Salvar o Dia
Elza Soares – Planeta Fome
Emicida – AmarElo
Jonnata Doll e os Garotos Solventes – Alienígena
Karina Buhr – Desmanche
Lello Bezerra – Desde Até Então
Lia de Itamaracá – Ciranda Sem Fim
Lucas Santtana – O Céu é Velho Há Muito Tempo
Luiza Brina – Tenho Saudade, Mas Já Passou
Luiza e os Alquimistas – Jaguatirica Print
Lulina – Desfaz de Conta
Marcelle – discoNeXa
MC Tha – Rito de Passá
Nill – Lógos
Rael – Capim-Cidreira
Saskia – Pq
Scalene – Respiro
Selvagens à Procura de Lei – Paraíso Portátil
Siba – Coruja Muda
Teago Oliveira – Boa Sorte
Yamandu Costa – Vento Sul

Leia também:
– Veja como foi a premiação da Associação Paulista dos Críticos de Arte em 2014 (aqui)
– Premiados APCA: 2012 (aqui), 2013 (aqui), 2014 (aqui), 2015 (aqui), 2016 (aqui), 2017 (aqui) e 2018 (aqui)

One thought on “Os 50 discos de 2019 para a APCA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.