Cinco músicas para o Popload Festival

por Marcelo Costa

Nesta semana, São Paulo recebe mais uma edição do Popload Festival, que acontece nos dias 16 e 17 de outubro, no Audio Club, que fica localizado na Avenida Francisco Matarazzo, 694 – São Paulo, destacando Iggy Pop, Emicida, Todd Terje, Sondre Lerche e Natalie Prass na sexta (16) mais Belle & Sebastian, Spoon, Cidadão Instigado e Barbara Ohana no sábado (17). Os ingressos para o Popload Festival estão à venda em www.sympla.com.br/poploadfestival.

O Spoon fará uma apresentação extra em São Paulo, no Beco 203, 18/10 (domingo), e o promocode SPOON17647 dá R$ 50 de desconto na compra da entrada via Ingresso Online (incluindo para a meia!). Após passar por Recife e Fortaleza, Sondre Lerche ainda faz show em Porto Alegre, 17/10. Antes de se apresentar em São Paulo, o Belle and Sebastian faz show no Rio, 16/10. Natalie Prass, Todd Terje e IGGy Pop só tocam no Popload Festival.

Não sei se acontece com você, caro leitor (a), mas sempre que um festival bacana se aproxima, começo a imaginar prováveis set lists das bandas que mais estou a fim de ver e, claro, crio expectativa pela canção favorita, aquela que, para mim, não pode faltar no set list – de maneira alguma! Claro, de vez em quando falta, mas não há nada como ouvir a música esperada da banda que a gente gosta ao vivo.

Então listo abaixo cinco canções que espero, muito, ouvir no Popload Festival. Sobre o grande show do Emicida, um dos mais importantes do país hoje, você pode ler o relato que escrevi em agosto aqui (pra mim a música do show é “Hoje Cedo”). Já o Cidadão Instigado também é garantia de alegria. Já vi o show “Fortaleza” três vezes (!) esse ano (uma aqui e outra aqui), e quero ver a quarta vez. Vale.

Vamos às cinco canções!

SPOON

Esse é, para mim, o show mais esperado do Popload Festival. Os vi duas vezes: uma no festival Planeta Terra, 2008, em São Paulo, quando baixaram aqui para mostrar as canções poderosas do ótimo “Ga Ga Ga Ga Ga Ga” (2007). Depois no Primavera Sound, em Barcelona, 2011, outro grande show, e ainda que os últimos álbuns não tenham me pego da maneira que “Ga Ga Ga Ga Ga Ga” pegou, espero muito ouvir “You Got Yr. Cherry Bomb” (desculpa, vou dar uma roubada e pedir também “Don’t Make Me a Target” e a cover do Cramps, “TV Eye”). Boa notícia: todas tem feito parte dos últimos set lists do grupo texano!

SONDRE LERCHE

O músico de Bergen, na Noruega, lançou seu primeiro disco em 2001, e de lá pra cá já foram sete álbuns de inéditas, o último, o bonito “Please”, lançado em 2014 – e presente em várias listas de melhores do ano. Das 10 canções de “Please”, cinco são praticamente certas no set do show em São Paulo: “Legends”, “Crickets”, “Bad Law”, “Lucifer” e “Sentimentalist”. A minha escolhida para aguardar na noite é outra que sempre aparece nos shows de Sondre: “Two Way Monologue”, do álbum homônimo de 2004, mas Se rolar um cover de “Thirteen”, do Big Star, não vou reclamar não…

TODD TERJE

A vantagem de ansiar pelo show de um artista que tem apenas um disco é que é quase certo ele tocar o álbum na integra, porém, no caso do outro norueguês do festival, Todd Terje, minha expectativa dificilmente será cumprida: a música que mais gosto do seu debute, “It’s Album Time”, de 2014, é “Johnny and Mary”, cover de Robert Palmer que no álbum conta com a voz de… Brian. Já dei sorte: a vi ser tocada ao vivo no Øya Festival, em Oslo, 2014, na versão acima, e vale torcer pelo impossível. Vai que Brian Ferry vem na mala do Todd, né mesmo.

BELLE AND SEBASTIAN

Eis uma banda que, para mim, é difícil escolher uma música só, porque gosto demais dos três primeiros discos (“Tigermilk” e “If You’re Feeling Sinister”, ambos de 1996 e “The Boy with the Arab Strap”, de 1998) e, principalmente, de vários singles extra álbuns, coisas como a lenta e maravilhosa “This Is Just a Modern Rock Song”. Das favoritas, é quase certeza que eles toquem “Judy and the Dream of Horses”. Já “Sleep The Clock Around” é bastante cotada. Mas se for pra escolher uma vou de… “Lazy Line Painter Jane”, que eles tocam muuuuito raramente, mas já apresentaram quatro vezes neste ano! Quem sabe a quinta será no Brasil…

IGGY POP

Esta é a quarta vez de Iggy no Brasil, e só tive a oportunidade de vê-lo no Claro Que é Rock, ao lado do Stooges, em 2005, um baita repertório (“I Wanna Be Your Dog”, “No Fun”, “Loose”), mas focado apenas em canções dos Stooges. Ele voltou com os Stooges ao Brasil em 2009 para um show no Planeta Terra (que eu perdi), e dai entraram coisas solo como “The Passenger” e a música que espero mais ouvir no Popload Festival: “Lust For Life”, que fechou aquele show. Mas fique calmo: “I Wanna Be Your Dog”, “No Fun” e “Search and Destroy” também devem estar no set. Além delas seria uma surpresa inédita rolar “China Girl” (que ele não canta ao vivo desde 1994), “Pussy Power” (a última vez foi em 1996!) e, zuzu bem, “Candy”, que não é tocada ao vivo desde… 1992. Natalie Prass podia encarar esse dueto, hein? 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.