Boteco: Duas cervejas da cigana Mikkeller

mikeller.jpg

por Marcelo Costa

A Mikkeller é comumentemente chamada de cervejaria cigana. Fundada em 2006 em Copenhague, Dinamarca, por um professor de ensino médio e um jornalista, a Mikkeller ganhou fama por não ter fábrica, e alugar estabelecimentos de outras cervejarias para produzir suas cervejas, que já contam mais de 600 rótulos – a grande maioria inspirado nas radicalizações da jovem escola norte-americana – incluindo colaborações com cervejarias como Brewdog, Nøgne Ø, Three Floyds e Cigar City. As duas cervejas abaixo foram presentes do International Beer Club (http://ibeerclub.com.br/), um clube em que o associado recebe mensalmente cervejas escolhidas pela equipe iBeer, e tem informações diversas sobre o universo cervejeiro no site. A rotulagem especial foi cortesia do International Beer Club, mas tanto a Mikkeller Grassroots Wheat is the New Hops IPA quanto a Mikkeller Saison Sally podem ser encontradas com relativa facilidade em boas lojas do ramo no Brasil, com os rótulos apresentados no fim do post. Abaixo, falo sobre um pouco sobre cada uma delas:

mikeller1.jpg

A Mikkeller Grassroots Wheat is the New Hops IPA é uma versão produzida pela dupla dinamarquesa na cervejaria belga De Proefbrouwerij. É, como o nome adianta, uma American India Pale Ale com trigo não malteado, lúpulo cítrico e levedura Brettanomyces. De coloração dourada (rara no estilo) e translucida, a Mikkeller Grassroots exibe uma espuma branca de ótima formação e longa permanência, com direito a rendas belgas nas laterais da taça. No aroma, absolutamente sensacional, notas cítricas e frutadas que remetem a mamão, maracujá, maçã verde, limão siciliano, abacaxi e laranja se misturam ao trigo e a levedura, e o resultado é um conjunto arrebatador. No paladar, a querida levedura Brett chama a responsabilidade para si, e, acompanhada dos lúpulos cítricos, gera acidez e amargor moderado, mas marcante e encantador. O toque cítrico é intenso, mas não tão variado quanto no aroma, mas ainda assim é saboroso enquanto o trigo faz um charme, mas fica em segundo plano. Como uma boa IPA, o final é amargo e cítrico e o retrogosto permanente (abacaxi, mamão e maracujá). Muito boa.

mikeller2.jpg

Também produzida na cervejaria De Proefbrouwerij, a Mikkeller Saison Sally é um distinto exemplar da cerveja que os fazendeiros belgas produzem para saciar a sede dos trabalhadores durante as colheitas de verão. É produzida com água, malte, lúpulo, levedura belga e casca de laranja. De coloração dourada e translucida, creme branco de ótima formação e permanência, a Mikkeller Saison Sally destaca no aroma um interessante conjunto de notas que vai de cítrico frutado (abacaxi e maracujá – apesar da inserção de casca de laranja, o aroma não traz isso) ao floral, com uma leve sugestão de trigo (feno) e condimentação (derivada da levedura) que provoca o nariz. No paladar, a levedura dá o primeiro bote com uma leve acidez e secura, que se junta as notas doces derivadas do malte (feno, trigo, pão, cereal) e ao amargor bastante leve e cítrico do lúpulo construindo um conjunto levemente terroso, como chuva levantando aroma de terra e grama no campo. No final, o amargor cítrico se torna levemente mais intenso, remetendo a limão, enquanto o retrogosto, refrescante, traz trigo, cravo e o desejo de abrir outra. Ótima!

mikeller3.jpg

Balanço
Uma IPA totalmente diferente, na cor, no aroma e no paladar, realização bastante personal da dupla da Mikeller. O aroma espetacular antecipa um conjunto adorável, principalmente para fãs de American IPA. Remete um pouco a uma das melhores IPAs do mundo, a Anderson Valley Heelch O’Hops, mas tem personalidade e merece ser conhecida. Já a Mikkeller Saison Sally é um belíssimo representante da escola Saison, muito leve, mas com bastante personalidade em notas que trazem adocicado do malte remetendo a trigo e feno, o arisco da levedura batendo ponto em acidez e secura e o amargor dos lúpulos cítricos (auxiliados pela inserção de casca de laranja) colaborando em cores frutadas num conjunto refrescante e bastante saboroso. Duas boas investidas da Mikeller.

Mikkeller Grassroots Wheat is the New Hops IPA
– Produto: India Pale Ale
– Nacionalidade: Dinamarca
– Graduação alcoólica: 6%
– Nota: 3,50/5

Mikkeller Saison Sally
– Produto: Saison
– Nacionalidade: Dinamarca
– Graduação alcoólica: 6,8%
– Nota: 3,46/5

mikeller4.jpg

Leia também
– Top 1001 Cervejas, por Marcelo Costa (aqui)
– Leia sobre outras cervejas (aqui)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.