Boteco: Da Bélgica, cinco Gouden Carolus

het1.jpg

por Marcelo Costa

A Het Anker é uma cervejeira da região flamenga da Bélgica originalmente fundada em 1471 por uma comunidade religiosa de Beguines, em Mechelen, cidade que fica a 25 quilômetros de Bruxelas e da Antuérpia. Em 1872, Louis Van Breedam adquiriu a cervejaria, ampliando o cardápio da casa. Hoje em dia, a Het Anker mantém em Mechelen uma cervejaria, uma destilaria (eles começaram a produzir uísque single malte em 2009) e uma brasserie. No cardápio de cervejas, a linha Golden Carolus se destaca, com oito rótulos: Classic, Tripel, Ambrio, Hopsinjoor, Easter, Christmas e as elogiadas Cuvée van de Keizer Blau e Cuvée van de Keizer Rood. Além, a Het Anker Brewery é responsável pela Lucifer e pela Dentergems White Beer. Abaixo, cinco Gouden Carolus que podem ser encontradas com facilidade no Brasil entre R$ 13 e R$ 17 em versões de 330 ml e R$ 30 a R$ 49, versões de 750 ml.

het2.jpg

A receita original que inspirou a Gouden Carolus Ambrio data do século XIV, e a Het Anker alterou apenas a proporção de lúpulo (incluindo doses generosas de Challenger e Goldings), deixando a cerveja mais intensa. De coloração âmbar e bela formação de espuma, de extensa durabilidade, a Gouden Carolus Ambrio valoriza, no aroma, a levedura belga (que confere ao conjunto um toque picante e condimentado) e o malte levemente tostado, que remete a notas frutadas (ameixa, frutas secas, uva passa) e adocicadas (baunilha e caramelo). As notas relativas ao lúpulo ficam em segundo plano. No paladar, adocicado intenso com leve sensação de acidez e picância, provavelmente derivados dos 8% de álcool, que aquece a boca. As notas frutadas (nozes e ameixa) também marcam presença, mas ficam lado a lado com o amargor levemente cítrico. Há sugestão de vinho do porto. O final é quente e levemente adocicado enquanto o retrogosto é terroso, levemente maltado e um bocadinho salgado.

het3.jpg

Uma das mais recentes produções da Het Anker, a Gouden Carolus Hopsinjoor é uma Belgian Strong Ale que recebe quatro tipos de lúpulo (Golding, Spalt, Hallertau e Saaz), colocados em diferentes fases do cozimento. De coloração amarela e turbidez média, a Hopsinjoor exibe uma bela formação de creme, de média permanência. No aroma, levedura e lúpulos dão ao conjunto um caráter condimentando e levemente cítrico, herbal e floral, com suaves notas frutadas que remetem a maracujá, bolo de abacaxi, mamão e pêssego. A picancia do fermento provoca o nariz enquanto os lúpulos enganam o paladar, que não percebe nada dos 8% de álcool presentes no conjunto final. O amargor é médio e cítrico, com baixa percepção de malte. Uma leva acidez proveniente da levedura remete a especiarias, que aquecem a boca. O final é levemente cítrico enquanto o retrogosto, quente, reforça a intenção de valorizar o lúpulo (sem elevar excessivamente o IBU). Bem interessante.

het4.jpg

A Gouden Carolus Classic é uma Belgian Dark Strong Ale produzida desde 1369 e que continua sendo seguindo métodos tradicionais ao utilizar maltes nobres, apenas lúpulos belgas e refermentar na garrafa. De coloração entre o rubi e o avermelhado e belo e espesso creme bege, de longa permanência, a Gouden Carolus Classic traz a marca do malte meticulosamente tostado que distribui notas frutadas remetendo a figo, uva passa, ameixa e nozes. Há ainda sensação adocicada (melaço de açúcar e baunilha), leve álcool, que remete a vinho do Porto, amadeirado e a indissociável marca da levedura belga, distribuindo picância. O paladar traz ao mesmo tempo uma doçura melada proveniente do malte e um amargor herbal característico do lúpulo sugerindo equilíbrio. As notas reforçam a percepção de frutas escuras, incluindo cereja, e a sensação de vinho do Porto aumenta, com o álcool riscando a garganta e aquecendo o peito. O final e o retrogosto são deliciosamente frutados. Realmente clássica.

het5.jpg

Outra cerveja secular produzida pela Het Anker, a receita da Gouden Carolus Tripel surgiu em 1491 em homenagem aos cavaleiros da Ordem Golden Fleece, ordem de cavalaria criada em Bruges por Filipe III, Duque de Borgonha, em 1430. De coloração dourada, turbidez advinda da não filtração e bela espuma, em formação e permanência, a Gouden Carolus Tripel traz no aroma uma rica amostra de notas cítricas, frutadas, florais e condimentadas que remetem a mel, pêssego, calda de abacaxi, casca de laranja e leve trigo. No paladar, a textura frisante e o corpo médio destacam a acidez cítrica e um leve amargor, que trazem uma sensação de refrescancia – mesmo com os 9% de álcool – distribuída em notas que remetem a limão siciliano, casca de laranja, maracujá e abacaxi. A doçura do malte (remetendo a melaço) consegue fazer um ótimo contraponto valorizando o conjunto. O final é cítrico e seco e o retrogosto reforça a sensação de refrascancia (enquanto a face esquenta). Encantadora.

het6.jpg

A Gouden Carolus Noël Christmas é a Belgian Strong Ale natalina da Het Anker, que voltou a ser produzida em 2002 após 38 anos sem ser fabricada pela cervejaria. De lá pra cá, sempre em agosto (visando colocar a cerveja no mercado em dezembro), o pessoal da Het Anker começa o processo seguindo uma receita que reúne três tipos diferentes de lúpulos e seis de condimentos e especiarias. De coloração avermelhada escura e espuma bege, de bela formação e permanência (com direito a rendas belgas), a Gouden Carolus Noël Christmas dispersa um aroma encantador. Notas frutadas que remetem a ameixa, uva passa, cereja e nozes se misturam aos condimentos (pimenta do reino e noz-moscada), ao adocicado proveniente do malte tostado (chocolate, baunilha e caramelo) mais álcool (10,5%). O paladar, felizmente, repete o aroma, com o adocicado frutado mais a acidez do álcool chamando a atenção no primeiro toque. Na sequencia, notas frutadas, toffee, caramelo e condimentos deslumbram o bebedor. O final é de médio pra longo, maltado e alcoólico. No retrogosto, especiarias. Palmas, palmas e mais palmas.

Gouden Carolus Ambrio
– Produto: Belgian Dark Strong Ale
– Nacionalidade: Bélgica
– Graduação alcoólica: 8%
– Nota: 3,51/5

Gouden Carolus Hopsinjoor
– Produto: Belgian Strong Ale
– Nacionalidade: Bélgica
– Graduação alcoólica: 8%
– Nota: 3,77/5

Gouden Carolus Classic
– Produto: Belgian Dark Strong Ale
– Nacionalidade: Bélgica
– Graduação alcoólica: 8%
– Nota: 3,92/5

Gouden Carolus Tripel
– Produto: Belgian Tripel
– Nacionalidade: Bélgica
– Graduação alcoólica: 9%
– Nota: 4,36/5

Gouden Carolus Christmas
– Produto: Belgian Strong Ale
– Nacionalidade: Bélgica
– Graduação alcoólica: 10,5%
– Nota: 4,53/5

het7.jpg

Leia também
– Top 1001 Cervejas, por Marcelo Costa (aqui)
– Leia sobre outras cervejas (aqui)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *