Entrevista: Biquini Cavadão

por Rodrigo Guidi

Primeira banda brasileira a ter um endereço de email, em 1995, o Biquini Cavadão apresenta seu novo trabalho e com ele outra inovação. Além do CD, os fãs dos cariocas podem ouvir as 12 faixas de “Roda Gigante” no iTunes ou em um pendrive, que irá possibilitar o cadastro no site oficial para receber atualizações, novas versões e videoclipes do disco.

O novo trabalho teve origem depois que o grupo, em 2009, decidiu lançar músicas pela internet, uma por ano, em vez de discos. Da parceria com Lucas Silveira, da Fresno, surgiu “Acordar pra Sempre com Você”. Outras duas faixas chegaram na sequência. Clássico de Rita Lee, “Agora é Moda” foi regravada em 2010 com a participação de Rogério Flausino, do Jota Quest, e fez parte da novela “TiTiTi”. Em 2011, foi a vez de “É Dia de Comemorar”, tema do programa “Expresso do Esporte”, do canal SporTV.

Com a ideia de transformar essas músicas em um novo disco, o Biquini entrou no estúdio em junho do ano passado. “Roda Gigante” chega ao mercado depois que o grupo assinou com a Warner, prometendo uma forma revolucionária de se ouvir música. O guitarrista Carlos Coelho e o vocalista e líder da banda Bruno Gouveia falaram ao PLUG, parceiro do Scream & Yell, sobre o novo trabalho.

Vocês têm uma marca de pioneirismo com relação à internet, tecnologia. Isso começou em 1995. Essa opção pelo formato de pendrive no “Roda Gigante” foi algo natural?
Carlos Coelho – Essa questão do pioneirismo é uma marca nossa mesmo. Fomos a primeira banda a ter e-mail, site. A primeira a gravar imagens de um show. O Bruno cuida diretamente disso e gosta muito de tecnologia. Foi algo natural. A gente gosta de botar a mão em tudo o que é feito. Esse pendrive é algo muito legal, porque, além de conter muito mais informações do que um CD, colocamos todo o conteúdo do “Roda Gigante”, uma coletânea de 14 sucessos da banda e mais três videoclipes. A pessoa pode ouvir no rádio do carro, na TV ou no computador. E no computador pode se cadastrar e passa a receber gratuitamente atualizações em relação ao disco.

Esse apego à tecnologia, essa forma nova de divulgar o trabalho de vocês tem fidelizado um público novo. Você acredita que isso possibilita uma renovação de fãs do Biquini?
Carlos Coelho – Com certeza ajuda muito, porque essa garotada está muito ligada à internet, tecnologia. Mas isso tudo foi algo muito natural, porque somos muito ligados nessa coisa de tecnologia. Procuramos sempre inovar, trazer informações novas para nossas músicas e maneiras de se comunicar com todo mundo. É muito importante uma banda de 30 anos renovar o público.

Como foi a escolha do repertório do “Roda Gigante”? Porque a gente percebe o DNA do Biquini em cada faixa do disco.
Carlos Coelho – É natural que nossa impressão digital esteja ali. São músicas que viemos lançando desde 2009, quando apresentamos “Acordar pra Sempre com Você”, em parceria com o Lucas Silveira, da Fresno. Em 2010, participamos da novela “TiTiTi” da Globo, com a música “Agora é Moda”, na qual tivemos a participação do Rogério Flausino. Em 2011, lançamos “É Dia de Comemorar”, tema do programa “Expresso do Esporte”, do SporTV. Antes dele existir como “Roda Gigante”, a gente já veio lançando as músicas, até que concluímos o disco todo.

Bruno Gouveia – A gente se orgulha muito de conseguir, mais do que se prender a um estilo, se prender a uma assinatura. E a banda tem uma assinatura. Todas as músicas do novo disco têm essa impressão digital, e a gente espera que não seja uma impressão com cheiro de naftalina (risos). A gente consegue fazer um bom equilíbrio disso. Já ouvi elogios de fãs dizendo que o Biquini consegue um elo entre gerações, sem soar algo do passado ou radicalmente moderno, e isso junta pais e filhos para ouvir nossa música. Isso é legal porque não fazemos propositalmente.

Como está a divulgação do novo álbum?
Bruno Gouveia – A gente está lançando o disco pela Warner, mas hoje em dia os artistas têm que cuidar pessoalmente de como serão trabalhados seus lançamentos. O disco já está no iTunes e terá uma versão gigante, que vai se chamar “Roda Gigante De Luxe”, que terá, além das 12 faixas do CD, mais quatro versões acústicas, 12 demos, com arranjos e formatos diferentes, coisas que fizemos um ano antes da gravação. A gente está bastante envolvido na divulgação e toma conta de todos os detalhes, pois gostamos bastante disso.

Como foi a escolha de “Entre Beijos e Mais Beijos” para o videoclipe?
Bruno Gouveia – Essa música sempre se destacou, desde que começamos a fazer as primeiras músicas. Para quem eu sempre mostrei, as pessoas curtiram. Por isso optamos por ela. Aí fizemos uma segunda versão com beijos enviados por fãs de todo o Brasil, e beijos de tudo quanto é tipo, desde o beijo em uma barriga de uma mulher grávida até uma lambida de cachorro, e ficou muito tocante, muito bonito. Ficou algo muito viral. Nos shows, a gente percebe o envolvimento das pessoas, teve um resultado muito positivo. O disco está sendo muito bem recebido pelo público.

******
Rodrigo Guidi (@rodrigoguidi) é jornalista do caderno Plug, do jornal Gazeta de Limeira

Leia também:
– Marcos Paulino entrevista o Biquini Cavadão em 2009. Leia aqui
– Marcelo Costa entrevista Bruno Gouveia, do Biquini Cavadão, em 2001. Leia aqui

One thought on “Entrevista: Biquini Cavadão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.