Random header image... Refresh for more!

Posts from — dezembro 2014

As 100 músicas que mais ouvi em 2014

…segundo a Last.FM. Clique para ver a imagem em alta.

São as músicas mais tocadas entre 31/12/2013 e 31/12/2014. No topo geral, Bob Dylan. Está tudo lá: http://www.lastfm.com.br/user/Maccosta/

dezembro 31, 2014   No Comments

O mercado de shows em SP em 2014

Infográfico do site http://www.rockinchair.com.br/

Confira o levantamento completo sobre o mercado de shows internacionais no estado de São Paulo em 2014: http://www.rockinchair.com.br/especial/2014

dezembro 27, 2014   No Comments

Melhores de 2014: Divirta-se, Estadão

Após três anos seguidos votando nos melhores do ano do Guia da Folha, em 2014 alterno e voto no especial do caderno Divirta-se, do Estadão. Fui convidado para participar da categoria “Melhor Show Internacional”, e fico feliz de ter cravado os dois primeiros lugares. Juçara Marçal levou “Melhor Disco do Ano” e “Boyhood” levou “Melhor Filme”. Confira o especial completo aqui. E aqui você lê as justificativas de cada votante na categoria.

Leia também:
– Os Melhores de 2014 da Superinteressante (aqui)
– APCA elege os Melhores de 2014 (aqui)

dezembro 26, 2014   No Comments

Prata da Casa #27: Tagore

tagore1.jpg

tagore2.jpg

tagore3.jpg

Encerrando a programação do Prata da Casa 2014, a última atração do ano foi a banda pernambucana Tagore, quinteto que traz à frente o violonista e vocalista Tagore Suassuna e o multi-instrumentista João Cavalcanti (que se alterna entre baixo, guitarra e sintetizador). Responsável por um dos grandes álbuns de estreia do ano, “Movido a Vapor”, e com 35 shows realizados no decorrer de 2014, o quinteto pernambucano fez um belo show, notadamente psicodélico, que conquistou o bom público presente.

Descaço e descabelado, Tagore conduziu o grupo com maestria mostrando canções do álbum de estreia  assim como números inéditos (uma faixa instrumental que ainda está sendo trabalhada para o futuro disco). Clayton Barros (um dos produtores de “Movido a Vapor” e integrante da banda Os Sertões) participou da climática “2012”, acrescida de citação de “Tomorrow Never Knows”, dos Beatles. Entre os grandes momentos destaque para o novo clipe da banda, “Poliglota”, e a empolgante versão de “Dois Navegantes”, do repertório do Ave Sangria. Um fecho de ouro para um ano especialíssimo.

As fotos são de Liliane Callegari (mais aqui). Abaixo, dois vídeos.

Mais sobre o Prata da Casa

dezembro 23, 2014   No Comments

Melhores do Ano da Superinteressante

O excelente especial de Melhores do Ano da Superinteressante está no ar e pelo quarto ano consecutivo participo da votação. Em 2011 escrevi sobre as minhas expectativas para Música para 2012 (aqui). Em 2012 escrevi (aqui) sobre as 10 músicas (11 na verdade) do ano e repeti a categoria em 2013 (aqui). Para 2014 foi me pedido novamente para assinar um texto sobre os grandes hits de 2013, e listei 11 canções (aqui), mas sugeri também um texto sobre 11 músicas brasileiras e independentes que foram pouco ouvidas (de discos para download gratuito), e eles publicaram aqui. Demais!

Confira o especial: http://super.abril.com.br/melhores-2014/

Leia também:
– Os Melhores de 2013 da Superinteressante (aqui)
– Os Melhores de 2012 da Superinteressante (aqui)
– Os Melhores de 2011 da Superinteressante (aqui)

dezembro 20, 2014   No Comments

11 músicas de 11 discos para download

Especial que escrevi para a Superinteressante. Leia aqui

dezembro 15, 2014   No Comments

Prata da Casa #26: Peri Pane

Reta final da minha participação como curador do projeto Prata da Casa, do Sesc Pompeia, a penúltima atração de 2014 fez um belo show numa choperia remodelada, com as mesas frente ao palco, para permitir que o público assistisse ao concerto atenciosamente. Peri Pane mostrou o delicado show “Canções Velhas Para Embrulhar Peixes”, que contou com a participação do poeta ArrudA declamando seus poemas, Marcelo Dworecki se alternando entre o violão, o cavaquinho e as histórias, Otávio Ortega no piano e acordeon, e Barbara Eugenia cantando três números.

Com flores na mão, ArrudA enfeitou Peri com flores e declamou “Tomara”, belo poema gravado por Gustavo Galo no álbum “Asa”. “Note” surgiu primeiro numa versão com a banda, e depois, já no final da noite, no clipe oficial, lançado no Sesc Pompeia. Peri Pane contou histórias sobre vendedores que embrulhavam peixes em partituras de Bach, cães na chuva em São Paulo e a morte dos ácaros. Chamou Bárbara para cantar a bela “Sambinha” e ainda abriu espaço para canções novas, que vão integrar “Canções Velhas Para Embrulhar Peixes 2” numa bela noite de música e poesia.

As fotos são de Liliane Callegari (mais aqui). Abaixo, dois vídeos.

Mais sobre o Prata da Casa

dezembro 12, 2014   No Comments

Prata da Casa: Dezembro de 2014

Apenas duas terças-feiras abrigam o último mês do Prata da Casa 2014, encerrando a minha curadoria do projeto com 27 shows. Teremos mostra com os 10 melhores shows em fevereiro, mas isso a gente conversa lá em 2015, por os dois últimos shows do Prata da Casa 2014 são bastante especiais: Peri Pane e Tagore. Não perca!

PERI PANE (SP) – 09/12/2014
O compositor Peri Pane, codinome de Marcos Dávila, é um artesão musical que, na busca por referencias, foge do óbvio de maneira inteligente. Cada exemplar de seu primeiro disco, o emblemático “Canções Velhas Para Embrulhar Peixes”, de 2012, foi inspirado no coletivo Dulcinéia Catadora, que faz livros com capas de papelão, e, por isso, é feito a mão e numerado (o artista plástico Rafael Gentile assina o belo trabalho gráfico). O repertório traz, além de canções próprias, parcerias inspiradas com o poeta arrudA, aconchegadas numa sonoridade esparsa, cuja base é o violão – acompanhado de violoncelo, acordeom e piano – exibindo uma delicadeza comovente.

TAGORE (PE) – 16/12/2014
Do encontro do compositor Tagore Suassuna com o multi-instrumentista João Cavalcanti surgiu, em 2010, o EP “Aldeia”, primeiro registro da dupla, que saiu atrás de amigos para formar a Tagore, quinteto que lançou seu primeiro disco, “Movido a Vapor”, em 2014, e soa como um empolgante fruto do cenário roqueiro brasileiro setentista embalado em rocks rurais, baião e folk. No oceano de referencias saltam nomes como Raul Seixas, Beatles e Gil além de Tom Zé e Alceu Valença (os dois últimos presentes no disco através de regravações de “Todos os Olhos” e “Morena Tropicana”) e heróis locais como Ave Sangria e Lula Côrtes. Um som para não deixar ninguém parado!

Mais sobre o Prata da Casa

dezembro 9, 2014   No Comments

Boyhood no Jornal Opção, de Goiânia

Leia esse texto aqui

dezembro 6, 2014   No Comments

Prata da Casa #25: Camila Garófalo

Encerrando o novembro feminino na programação do Prata da Casa, do Sesc Pompeia, a paulista Camila Garófalo (escudada por uma ótima banda: Rafael Castro na guitarra, Fabiano Boldo no baixo, Filipe Franco no teclado e Juliano Costa na bateria) fez uma apresentação intensa, marcada por sua voz, forte, por sua postura inquieta no palco e pelas belas participações de Verônica Ferriani (que apresentou sua “Boca de Ouro”) e Tatá Aeroplano (com quem Camila dividiu uma grande versão de “Na Loucura”, do disco solo de Tatá).

Apresentando as canções de seu álbum de estreia, “Sombras e Sobras” (download gratuito aqui), Camila Garófalo parecia tomada pela energia do palco da choperia do Sesc Pompeia. O ótimo público, reconhecendo e valorizando a atuação da cantora, aplaudiu muito números como a excelente “Sobras”, primeiro single e clipe do disco, “O Velho” e a psicodélica “Mato e Morro”. Camila ainda apresentou músicas inéditas, como a balada rock and roll “Solidão”, que a emocionou durante a apresentação. Um show vigoroso numa noite intensa de rock and roll gritado do fundo do âmago. As fotos são de Liliane Callegari. Abaixo, dois vídeos.

Mais sobre o Prata da Casa

dezembro 3, 2014   No Comments