Blog do Editor do Scream & Yell
Random header image... Refresh for more!

Opinião do Consumidor: 1795 Dark

1795_dark.jpg

Terceira cerveja da República Tcheca a frequentar este espaço (a saber, as anteriores foram as ótimas Czechvar e  Primator 16% Exkluziv – links no final do texto), a 1795 é uma premium Lager original da cidade de Budweis, na Bohemia, produzida pela mais antiga cervejaria da região, a BMP (Budejovicky Mestansky Pivovar), que foi fundada no centro histórico da cidade em… 1795.

A BMP utiliza até hoje a receita original em seus tanques abertos de fermentação, atingindo os padrões estabelecidos pela D.O.C (Denominação de Origem Controlada) determinados pela União Européia, exclusivamente para cervejas produzidas na cidade de Budweis. Para comprovar é só procurar no rótulo o termo “Budejovické Pivo”, que garante a qualidade das cervejas feitas na região.

Há uma versão clara, deliciosa, mas aqui centramos o paladar na versão 1795 Dark, uma cerveja de baixa fermentação (lager) de belíssima cor escura que é bastante leve e refrescante. No aroma se percebe a presença de malte tostado, café e um adocicado que lembra caramelo e mel. Já no paladar vem um gosto de café, e se sente um adocicado presente que deve combinar bastante com carnes.

Muitos que já provaram a 1795 Dark reclamam deste adocicado (e seu baixo teor alcoólico), que não me incomodou. Ela não chega a ser tão doce quanto a francesa Jenlain e está longe, muito longe da nossa Malzibier. Há na 1795 Dark um leve amargor que mantém o gosto no paladar, e valoriza seu sabor. Não a toa, ela recebeu medalha de ouro e prata no Stockholm Beer and Whisky Festival (2006 e 2007). Seu preço varia de R$ 10 a R$ 15 (a garrafa de 500 ml). Vale experimentar.

Teste de Qualidade: 1795 Dark
- Produto: cerveja lager
- Nacionalidade: República Tcheca
- Graduação alcoólica: 4,5%
- Nota: 3,5/5

Leia também:
- A Czechvar é um ícone da República Tcheca (aqui)
- Primator 16%, duas delas equivalem a seis de outras (aqui)
- Se Brigitte Bardot fosse engarrafada, seria a Jenlain Six (aqui)

1 comentário

1 Zanatta { 04.13.10 at 10:17 am }

Pivo. Uma palavra sagrada. Essa versão dark eu desconheço, mas a 1795 clara é uma delícia. Tem no Sheridan’s em Curitiba (pois já tomei lá, aqui no Brasil, além de ter experimentado a própria lá em Praga), mas em Maringá não é possível encontrá-la.

Faça um comentário